PÁGINA INICIAL | EMPRESA JÚNIOR

QUEM SOMOS:
 
Uma associação civil sem fins lucrativos, constituída e administrada por alunos de graduação dos Cursos de Administração, Secretariado Executivo, Economia e Ciências Contábeis do CEAP. Tem a finalidade de ser um laboratório prático para alunos através da prestação de serviços e do desenvolvimento de projetos que atendam às empresas, entidades e a sociedade amapaense em diversas áreas de atuação, sempre sob a supervisão dos professores do CEAP.
 
OBJETIVOS:
» Proporcionar aos alunos, condições de colocar em prática seus conhecimentos teóricos, garantindo-lhes desenvolvimento acadêmico e profissional.
» Satisfazer os clientes através do fornecimento de serviços em consultoria administrativa.
» Tornar a Empresa Junior - uma empresa de sucesso, respeitada e conhecida por seu compromisso e responsabilidade na execução de seus serviços.
 
CONDIÇÕES PARA SE ASSOCIAR:
» Ser aluno regularmente matriculado nos cursos de graduação do ceap.
 
CONDIÇÕES PARA COMPOR A DIRETORIA:
» Ter cursado as disciplinas básicas do curso
» As chapas concorrentes deverão atender os seguintes pré-requisitos:
1- Ser composta por alunos não considerados prováveis formandos no período do mandato a ser exercido.
2- Apresentar um plano diretor de trabalho para a vigência de sua Administração, assinados pelos 04(quatro) candidatos segundo diretrizes estabelecidas pelo Conselho de Administração.
3- Apresentar candidatos aos cargos de: Diretor Administrativo; Diretor Financeiro; Diretor de Marketing e Diretor de Projetos.
 
O PLANO DIRETOR ELABORADO PELAS CHAPAS DEVERÁ CONTER:
1- Ações estratégicas para captação de clientes;
2- Plano de divulgação da Empresa Junior;
3- Relação dos serviços que serão oferecidos;
4- Procedimentos administrativos básicos;
5- Atribuições dos membros da Diretoria;
6- Escolha do nicho de mercado;
7- Propostas a serem apresentadas às empresas.
 
NORMAS PARA INSCRIÇÃO DAS CHAPAS CANDIDATAS:
Os membros da diretoria executiva serão eleitos pelos alunos do corpo discente em eleições diretas e deverão atender os seguintes pré-requisitos:
1- Disponibilidade de tempo no período diurno;
2- Estar cursando do 3º ao 7º semestre do curso;
3- Ter média de aproveitamento global mínima 70(setenta)
 
O MOVIMENTO EMPRESA JÚNIOR
A primeira Empresa Júnior surgiu na França em 1967, como parte de um projeto do governo. O objetivo era fomentar a criação de novas empresas e combater a recessão. Desde então, este movimento vem se difundindo e pode ser considerado como um fenômeno econômico empresarial.
O processo de internacionalização ocorreu em 1986 e hoje existem Empresas Juniores espalhadas por todo o mundo: Portugal, Espanha, Itália, Inglaterra, Eslovênia, Suíça, Alemanha, entre outros. A Europa conta hoje com uma Associação Européia de Empresas Juniores (JADE) e Confederações Nacionais em todos os países.
No Brasil, a idéia foi introduzida, inicialmente em São Paulo, pela Câmara de Comércio França–Brasil em 1988. As primeiras Empresas Juniores começaram a surgir no final daquele ano, com as Empresas Juniores da FAAP (Fundação Armando Álvares Penteado) e da FGV (Fundação Getúlio Vargas).
O Movimento Empresa Júnior (MEJ) vem crescendo no país com um número de empresas superior ao existente na Europa, onde surgiu o movimento. Deste modo, para estruturar o movimento empresa júnior foram criadas federações estaduais que com suas empresas juniores federadas se encontram anualmente no chamado ENEJ (Encontro Nacional de Empresas Juniores) para discutir, debater, analisar e propor diretrizes para o MEJ.
 
A CRIAÇÃO E DESENVOLVIMENTO DA EMPRESA JÚNIOR
A proposta de criação de uma Empresa Júnior foi iniciativa dos alunos do curso de Administração do CEAP, discutida e aprovada em Assembléia Geral em 07 de julho de 2002 onde foi eleita a primeira Diretoria da Empresa Junior.
No segundo semestre de 2005 reuniram-se os Coordenadores dos Cursos de Administração, Secretariado Executivo, Ciências Contábeis e Economia para dar inicio as atividades da Empresa Junior. Iniciou-se um processo de análise e reformulação de Estatuto para que as atribuições e responsabilidades fossem distribuídas com todos os cursos envolvidos e paralelamente ações de divulgação da Empresa Junior junto aos acadêmicos para mobilização de candidatos a Diretoria Executiva da mesma.
Ao longo dos anos, a Empresa Júnior vem realizando cursos que são oferecidos aos alunos como atividades complementares, sendo aberta a participação de empresários e da comunidade. O curso de maior demanda do mercado é o de Elaboração de Projetos Sociais que vem sendo oferecido a cada trimestre, pois, existe uma grande demanda de Associações, ONG's, Secretarias de Governo e Empresários preocupados em contribuir com a sociedade Amapaense.
 
ESTRUTURA ORGANIZACIONAL DA CEAP CONSULTORIA JÚNIOR
Conselho de Administração – Composto pelo Diretor e Coordenadores dos Cursos envolvidos.
Diretoria Executiva – Composta pelos alunos dos cursos; Administração, Secretariado Executivo; Ciências Contábeis e Economia, eleitos em Assembléia Geral.
Coordenação de Projetos – Professores dos cursos do CEAP.
Equipes de Projetos - Alunos dos cursos do CEAP.